domingo, 25 de maio de 2014

Não é fácil me amar, não é fácil manter-se ao meu lado... tem que me querer muito, tem que me amar com todas as forças...
Eu afasto as pessoas, eu tenho dificuldade em deixar as pessoas se aproximarem demais, eu tenho dificuldade em confiar que não irão me abandonar... 
Basta uma palavra mal colocada, basta uma ação impensada, basta uma faísca de ciúmes para eu abrir mão, completamente. 
É minha autodefesa agindo, é meu medo de sofrer agindo, é meu muro se reconstruindo...
Se alguém quiser me amar tem que ter em mente que eu não sou fácil, tem que ter em mente que haverá momentos em que terá que lutar para se manter por perto, tem que ter em mente que terá dias que a única coisa que eu vou querer é ficar em silêncio, ficar no meu mundo interior. Mas que ao mesmo tempo em que eu quero ficar sozinha, eu estou querendo alguém que não me deixe sozinha. Complicado, eu sei.
Não acho justo eu exigir isso de alguém, não acho justo eu cobrar que lutem por mim sendo que eu sei que eu não irei lutar.
Então, siga meu conselho: Mantenha-se longe de mim, mantenha distância, não tente começar algo que irá ferir a ambos. Não derrube meu muro se você não tiver a intenção de aceitar a carga que virá junto comigo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário