quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Mudança

Você sabe, eu não seguro ninguém... Eu deixo ir, mesmo com o coração sangrando eu não imploro para que fique. Não, não me fecharei para você... A porta ficará aberta para quando você quiser voltar. Não te virarei as costas... Mas não espere voltar e encontrar a mesma que você deixou. Estarei mudada. Sim. Não pararei minha vida, muito pelo contrário, cada decepção me faz mudar um pouquinho mais. Então não espere encontrar a mesma que você deixou. Se realmente quiser voltar, terá que aprender a conviver com a nova eu, com a nova pessoa que você mesmo ajudou a mudar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário