domingo, 4 de setembro de 2011

Não tente me entender ..


Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato .. tenho uma alma muito prolixa e uso poucas palavras, sou irritável e firo facilmente. Também sou muito calma e perdôo logo. Não esqueço nunca. Mas há poucas coisas de que eu me lembre .. 
Tenho felicidade o bastante para ser doce, dificuldades para ser forte, tristeza para ser humana e esperança suficiente para ser feliz.

(Clarice Lispector)

Nenhum comentário:

Postar um comentário